Woman To Be

A GRATIDÃO DE DEZEMBRO

O mês de dezembro quando chega, vem com tudo, feito bicicleta ladeira abaixo. Tem que ter pique pra encarar filas, correria, hora extra e tanto excesso de celebração.

Dezembro é tão sagitariano e sincero que já chega jogando na cara nossos sonhos mais íntimos que não deram certo. Seja pessoal, profissional, familiar, patriótico ou planetário.

Em dezembro “passamos a régua ‘, fechamos as contas, calculamos ganhos, empates e até nos damos conta dos milagres. Mas é também quando cai a ficha do que foi perda, frustração ou abandono.

É a hora de rever a ‘ wish list ‘ (de janeiro) e agradecer. Mas… Gratidão???  Justo no fim do ano – quando estamos muito mais sensíveis e a flor da pele – Ah ! isso me parece, no mínimo, forçado.

Agradecer pelo “chá de tô nem aí  que alguém te deu; Por ter perdido na bolsa, no bolso, na dignidade e esperança de ser brasileiro; Por ter que despedir-se pra sempre de uma pessoa querida; Ou por um projeto de anos que acabou por morrer na praia

Encarar perdas e danos e por fim sentir Gratidão pelos nãos, vazios e silêncios da vida? DÁ PRA VOCÊ  ???

A nova realidade é a uma verdade quase incontestável, concluída depois de cientistas se debruçarem por muito em pesquisas sobre o comportamento humano. Independente de crença ou religião, estudos mostram que a Gratidão é uma ferramenta poderosa e infalível na medida em que é geradora de amorfidelidadeamizade e bem querer.

Eles descobriram que a GRATIDÃO aumenta a consciência de que somos seres interdependentes (precisamos um do outro) favorecendo a solidariedade e a espiritualidade.

Ela potencializa o Bem estar pessoal, a qualidade das relações,  o entusiasmo, a determinação e o Otimismo.

As pesquisas mostraram que pessoa grata é mais inclinada a empatia e como consequência ao perdão pois é capaz de passear pela história alheia sem julgar ou condenar.

Este novo paradigma me inspira a ver e sentir a vida por outro angulo…o da Atualidade. Afinal, ninguém quer ficar de fora da nova ordem mundial…

Agora compreendo que Aceitar é acolher o que chega para gente. Este, sempre foi o conselho dos sábios, anciãos e iluminados…. Isso quer dizer que para aqueles que sentem gratidão e tem o coração cheio do amor incondicional , a vida vem sempre trazendo mais e mais…

Ser grato é saber olhar-se, visitar suas profundezas pra decodificar o que deve ser perdoado, esvaziado ou remodelado. Também, perceber quais sonhos ainda não- realizados merecem persistência, para ser copiados e colados na wish list do próximo ano.

Então, aproveite este Dezembro super-sincero e escreva uma carta para seu anjo da guarda ou para o bom velhinho. Descreva o que a vida lhe trouxe em 2015. De bom, de ok ou amargo.

Cite as novas amizades, conhecimentos, relações, oportunidades ou descobertas. Liste suas habilidades, qualidades e o que conquistou com elas.

E por fim,  agradeça !

Ao dizer Obrigada, reafirmará o vínculo, o comprometimento, a obrigação…  com seu Deus ou Santo protetor, com a existência e com o maior protagonista: você!

Sem mais

Obrigada !

 

                                                                                                       Fernanda Cajado

Posted in: Artigos

Deixe um comentário: (0) →